A palavra é: MUNCHKIN!

Munchkin, no linguajar gamer do exterior, significa uma pessoa que mesmo em um jogo não-competitivo (um RPG, por exemplo) joga de maneira agressiva, obtendo o maior número de kills, maior quantidade de lootskills, não se importanto em comprometer a história, a narrativa ou a experiência do jogo como um todo.

Resumindo: Munchkin é aquele jogador PÉ NO SACO!

Eis então que um indivíduo idolatrado por vários nerds chamado Steve Jackson resolve criar um jogo de cartas com justamente esse pensamento em vista; eis que com as ilustrações de John Kovalic, surge o divertidíssimo MUNCHKIN.

20130922_005214

- O que é?

Não é um jogo novo, em 2001 ele já ganhava o Origins Award . Fazendo jus à origem da palavra, Munchkin é um RPG ultra simplificado (agradando até quem não tem o menor saco pra esse tipo de jogo). Nele, os jogadores devem “chutar portas”, podendo se deparar com um monstro ou um tesouro.
Cada jogador poderá equipar itens para aumentar seu poder de ataque e acumular maldições para atrapalhar os demais.

Jogo-Munchkin-foto4

fonte: Galápagos Jogos

- Quantos jogam?

Entre 3 a 6 jogadores.

- Objetivo:

Ganha a partida o jogador que primeiro alcançar o nível 10. O modo padrão de subir de nível é matando monstros, cada monstro que você derrotar lhe garante um nível e o(s) tesouro(s) que carregar. (Alguns monstros, como o “Dragão de Plutônio”, fazem com que o jogador suba mais de um nível.)

Jogo-Munchkin-foto2

fonte: Galápagos Jogos

- Estrutura geral do jogo:

Cada jogador começa como um humano comum e recebe 8 cartas na mão. Já no início ou no decorrer do jogo, pode-se obter uma carta de Classe e/ou Raça (é permitido acumular uma classe e uma raça), transformando o jogador de um “Homem ou Mulher sem classe” (rs) em um “Orc guerreiro”, “Elfo mago”, “Anão Clérigo” ou apenas um “Humano Mago” ou um “Halfling sem classe”;

Além das cartas de Raça Classe, itens e equipamentos devem ser postos na mesa, voltados para cima, para que todos vejam e surtam seus devidos efeitos. Já as Maldições podem ficar escondidas em sua mão e usadas A QUALQUER MOMENTO! Tudo para esculhambar a jogada do adversário (esse é o espírito de Munchkin)!

Após todos se organizarem o jogo segue o esquema simples de rodadas.

Cada jogador, em sua rodada, “Chuta uma porta” (que corresponde a puxar e revelar uma carta da pilha). Nisso ele poderá:

  1. Receber uma maldição já de cara;
  2. encontrar um monstro;
  3. abrir uma carta qualquer (que não seja monstro ou maldição).

Na opção 1 o jogador sofre o efeito da maldição (descrito na própria carta) e, após isso, poderá “saquear a sala” (puxando outra carta da pilha e guardando em sua mão em segredo) e com isso não obterá nenhum tesouro, tampouco subirá de nível; ou poderá “procurar confusão”, caso tenha alguma carta de monstro na mão o jogador poderá baixá-la na mesa e lutar contra o monstro (podendo ganhar o tesouro do monstro e subir um nível).

Na opção 2 o jogador dá de cara com um monstro e deverá enfrentá-lo. A batalha é simples: soma-se o nível em que o jogador se encontra aos bônus que seus equipamentos lhe dão, se o resultado for maior que o nível do monstro a batalha está ganha. Se o jogador não conseguir superar o nível do monstro ele deverá fugir (precisando obter 5 ou 6 no dado), se não conseguir ele sofrerá a “coisa ruim” descrita na carta.

A opção 3 segue o mesmo esquema da opção 1, com a vantagem de não receber nenhuma maldição.

obs: além dos equipamentos, os jogadores podem usar os itens consumíveis (que duram apenas uma batalha) que porventura possuam, ou ainda pedir ajuda aos demais jogadores; nesse último caso os poderes de ataque (nível + equipamentos + itens) são somados e comparados com os do monstro. Fica a critério do jogador negociar os possíveis tesouros como método de barganha.

Depois disso, o jogador deve descartar/vender/trocar o número de cartas em sua mão (não contam as que estão na mesa e são visíveis para os demais) até que fique com no máximo 5.

Jogo-Munchkin-foto1

fonte: Galápagos jogos

- Certo, mas QUAL A GRAÇA?

A graça de Munchkin está em ser um verdadeiro PÉ NO SACO! Colocar seu espírito troll para fora! Nada como ver seu adversário cair do nível 9 (quase lá!) para ridículos 5 níveis em um único turno! (por sinal, aconteceu comigo :( )

NÃO HÁ REGRAS PARA O USO DE MALDIÇÕES! Apenas observe o que a própria carta dispõe! Elas podem ser usadas em QUALQUER MOMENTO DO JOGO!
E isso proporciona as mais hilárias reações de frustração naquele seu amigo que já contava como certo aquela vitória!

Você pode desde “Colocar uma galinha na cabeça” de seu oponente (o que fará com que cada jogada de dado dele fique com -1) até mesmo lançar uma maldição para que ele mude de sexo (o que irá influenciar na luta contra monstros e nos equipamentos utilizados)!

Jogo-Munchkin-foto3

fonte: Galápagos jogos

- AI MEU DEUS, EU QUERO!

Jogo recomendadíssimo e que proporcionará muitas risadas, brigas e irá fazer com que duas horas passem voando!

Se você quiser adquirir o jogo totalmente em português, basta acessar o site da GALÁPAGOS JOGOS! (E não é jabá*, hein! É recomendação mesmo!)
Se preferir comprar no site oficial (cuja vantagem são as inúmeras expansões que ainda não receberam tradução por aqui), basta clicar AQUI!

*mas era bom que fosse, hehehehehe

1 Comment

Leave a comment